Niterói por niterói

Publicado

Preso suspeito de cometer feminicídio em Niterói

Por Redação
| aseguirniteroi@gmail.com
Flávio Fonseca foi preso em casa, em Piratininga. O endereço fica a poucos metros onde Letícia Dias foi morta
Letícia e Flávio
Flávio tinha dois filhos com Letícia. Foto: reprodução rede social

Flávio Fonseca, suspeito de matar Letícia Dias, de 27 anos, sua ex-companheira, foi preso por agentes da 81ª DP (Itaipu) e da Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG), na sexta-feira (29).

Ele estava em casa, em Piratininga (Região Oceânica de Niterói), e não reagiu à chegada dos policiais. O crime aconteceu no último dia 26, dentro da Associação de Moradores e Amigos da Beira da Lagoa de Piratininga (Amorbela), a poucos metros de onde Flávio morava.

Ele foi levado para a DHNSG para cumprir prisão temporária, concedida pela 3ª Vara Criminal de Niterói.

Flávio tinha dois filhos com Letícia. Uma das hipóteses para o crime é que ele não aceitava o fim do relacionamento, determinado por ela. Letícia foi morta a facadas. A vítima já havia solicitado medida protetiva.

Leia mais: Até quando? Morte de Letícia em Niterói revela o tamanho da violência doméstica contra a mulher

Com G1

COMPARTILHE