Niterói por niterói

Publicado

Niterói tem quase 300 pessoas internadas com Covid nas redes pública e privada

Por Livia Figueiredo
| aseguirniteroi@gmail.com
Em menos de 15 dias, quadriplicou a taxa de ocupação de pacientes internados com Covid em leitos de enfermaria da rede pública na cidade
hospitais
Covid volta a encher hospitais de Niterói com avanço do ômicron. Foto: Divulgação

O crescente número de pacientes internados com Covid em Niterói acendeu um alerta. A cidade já tem quase 300 pessoas internadas com Covid nas redes pública e privada, sendo metade em UTIs.

De acordo com o painel do coronavírus divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) na  segunda-feira (24), a cidade tem atualmente 51 leitos de enfermaria da rede pública ocupados por pacientes com Covid e 16 em UTI, o que representa 64% dos leitos de enfermaria ocupados e 13% de UTI. Em menos de 15 dias, quadriplicou o número de pacientes internados com Covid em leitos de enfermaria na cidade. Isso porque no dia 11 de janeiro foi divulgado pela SES que a taxa de ocupação de leitos de enfermaria era de 15% e de UTI era apenas de 1%.

Leia mais: Niterói antecipa mais uma vez o calendário de vacinação de crianças

O dado mais atualizado divulgado pela Prefeitura de Niterói, no portal Sigeo, mostra que, na terceira semana epidemiológica deste ano, a média de pacientes internados em leitos clínicos por complicações do coronavírus é de 47%. Um salto que representa o dobro, já que, na segunda semana, a média era de 21%. A alta disseminação da variante Ômicron chama a atenção para os riscos de um novo aumento da procura por leitos de enfermaria e de UTIs em Niterói. Na virada do ano, os hospitais da cidade tinham menos de 10 pessoas internadas e nenhuma em risco. Apenas em janeiro, o número de novos casos passou de 10 por dia para 3 mil e as internações chegam a quase 300, no total.

Nesta terça-feira (25), o A Seguir: Niterói mostrou que a variante Ômicron pode apresentar riscos e complicações, principalmente em não vacinados e pessoas com comorbidades ou de idade avançada.

A ocupação nos leitos de UTI mais que dobrou em Niterói: em um intervalo de uma semana, o número de internados passou de 52 para 117. Os dados são do Sindicato dos Hospitais Clínicas e Casas de Saúde de Niterói e São Gonçalo (Sindhleste). Já o número de internação nos quartos passou de 63 para 92. Um aumento de 46%. A disparada de casos nas últimas semanas e a alta procura de testes de Covid já sinalizam que o momento é de reforçar os cuidados e seguir com os protocolos sanitários de combate ao coronavírus.

COMPARTILHE