Niterói por niterói

Publicado

Novembro começa com o maior número de mortos por arma de fogo em Niterói no semestre

Por Redação
| aseguirniteroi@gmail.com
Primeira quinzena do mês foi violenta na cidade, como mostra o Instituto Fogo Cruzado
PMERJ-Barreto
Foto: Divulgação/PMERJ

Novembro começou marcado pela violência armada em Niterói. Dados da plataforma Fogo Cruzado mostram que, na primeira quinzena, o número de mortos por armas de fogo foi o maior do semestre, na comparação com os primeiros 15 dias de cada mês. Os 11 tiroteios registrados até segunda-feira deixaram seis vítimas fatais. Outras quatro pessoas ficaram feridas.

Leia mais: Tiroteios explodem em Santa Rosa e Cubango e mostram migração da violência armada

No comparativo com a primeira quinzena de meses anteriores, o número de tiroteios não foi o maior, o que mostra que, mesmo em menor quantidade, as ocorrências foram mais letais. Outro dado importante é maior presença de agentes de segurança nas ações. A polícia participou de mais de 70% dos tiroteios registrados no mês.

Ainda assim, o número global dos tiroteios foi o segundo menor do semestre: 11 ocorrências. Bem abaixo da quinzena mais violenta, que foi a de julho, quando foram registradas 15 trocas de tiros nacidade.

Sobre o Fogo Cruzado

O Instituto Fogo Cruzado usa tecnologia para produzir e divulgar dados abertos e colaborativos sobre violência armada, fortalecendo a democracia através da transformação social e da preservação da vida.

Com metodologia própria e inovadora, o laboratório de dados da Instituição produz mais de 20 indicadores inéditos sobre violência nas regiões metropolitanas do Rio, do Recife e, em breve, em mais cidades brasileiras.

Por meio de um aplicativo de celular, o Fogo Cruzado recebe e disponibiliza informações sobre tiroteios, checadas em tempo real. Elas estão disponíveis no único banco de dados aberto sobre violência armada da América Latina, que pode ser acessado gratuitamente pela API do Instituto.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email