Niterói por niterói

Publicado

Niterói vai às compras; comércio estima que mais de 60% pretendem aproveitar a Black Friday

Por Redação
| aseguirniteroi@gmail.com
Entre as opções preferidas estão: eletrônicos, eletrodomésticos, itens do vestuário, calçados e acessórios; clima é de otimismo após dois anos de recessão
Black Friday - movimento icaraí
Lojistas estão confiantes e apostam no esquenta Black Friday. Foto: Livia Figueiredo

Promoções para todo lado, anuncia o esquenta de uma das datas mais aguardadas pelos consumidores no ano, a Black Friday. Ciente de que muitos deles estariam em busca dos melhores descontos e ofertas, a maioria dos lojistas optou por antecipar a data. Alguns apostaram na estratégia de antecipar em uma semana. Outros foram mais ousados e começaram a aplicar promoções logo no início de novembro, como foi o caso da loja de óculos, Chilli Beans.

O A Seguir: Niterói esteve nesta quarta-feira (24) na Rua Ator Paulo Gustavo, antiga Moreira César, para conversar com os lojistas sobre as expectativas de vendas deste ano.

Movimento na Rua Paulo Gustavo, em Icaraí. Foto: Livia Figueiredo

Leia mais: Garagem subterrânea de Charitas também vai reabrir com retorno dos catamarãs, no dia 3 de dezembro

O vendedor Ricardo Salvador, da Chilli Beans, ficou surpreso com o movimento da loja. Ele diz que os consumidores estão procurando por ofertas desde o início de novembro. A loja está com 20%  dos seus produtos em promoção até o fim do mês.

– Os clientes estavam pedindo por ofertas, então começamos logo no início do mês com o Hot Friday. Está sendo um momento bom, um sucesso. Desde o começo do mês a loja apresenta maior movimento. Mais pessoas estão vindo com o intuito de comprar um óculos mais barato e tal. Essas já vêm meio que encaminhadas, focadas na promoção. Tem aquelas também que aproveitam para comprar mais de um óculos – ressalta.

Chilli Beans antecipa Black Friday para início do mês. Foto: Livia Figueiredo

A gerente da unidade de Icaraí da Hope, Waleska Souza, conta que, diferente do ano passado, a loja resolveu antecipar o esquenta da Black Friday no último sábado (20). As peças selecionadas para promoção são todas de coleções anteriores, o famoso “limpa estoque”, que antecede o Natal. Em média, 40% da loja está atualmente em promoção, que dura até o Cyber Monday, na próxima segunda-feira (29). A gerente ainda diz que observou uma redução de vendas pelo comércio on-line da loja:

– O movimento melhorou por conta do avanço da vacinação e tudo mais. Acredito que as pessoas estão mais à vontade e mais seguras de virem até a loja, embora a gente continue com o delivery, que deu uma caída. Brasileiro gosta de tocar nas peças, né? Sentimos que o movimento aumentou tanto que decidimos abrir aos domingos a partir de dezembro.

Segundo o presidente da Sindilojas, Charbel Rodrigues, a Black Friday deixou de ser apenas uma promoção na internet e passou a ser uma data mais conhecida no Brasil. O tradicional dia de descontos tem provocado maior adesão do comércio de rua e dos grandes centros de compras.

De acordo com um levantamento do Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFEC- RJ), 60,3% dos fluminenses pretendem aproveitar as ofertas da data para realizar compras. Isso é o equivalente a 8,4 milhões de pessoas em todo o estado do Rio de Janeiro, ultrapassando 2020 (4,3 milhões) e também 2019 (8 milhões).

A pesquisa aponta, ainda, que os consumidores pretendem gastar, em média, cerca de R$ 1.681,59 nas promoções do final do mês de novembro, o que representa um valor 91% maior que a estimativa de gasto médio em 2020, quando atingiu R$ 876,49. O montante também ultrapassou o valor de 2019 (R$ 625,92), período pré-pandemia, em quase três vezes.

– Nossa cidade não será exceção nesse cenário. O comércio local está se preparando para aproveitar a ocasião fazendo ofertas atraentes para o consumidor. É uma oportunidade preciosa depois de quase dois anos de clima recessivo e de temor generalizado devido à pandemia, que felizmente vem sendo vencida – destacou.

Segundo a pesquisa do IFEC, entre as opções preferidas estão: eletrônicos (56,4%), eletrodomésticos (47,5%), itens do vestuário, calçados e acessórios (32,6%), móveis (26,5%), artigos de uso pessoal (22,7%) e pacotes de viagem (12,2%). Em menor proporção, aparecem os livros e artigos de papelaria (11,6%), itens de alimentação (11,6%), serviços de estética e beleza (6,6%) e itens de material de construção (5%).

Ao serem questionados sobre onde farão suas compras, a maioria dos pesquisados respondeu que se dividiriam entre lojas físicas e on-line (49,2%), somente on-line (44,2%) e somente física (6,6%). A sondagem ocorreu entre os dias 5 e 11 de novembro e contou com a participação de 300 consumidores em todo o estado do Rio de Janeiro.

Leia também: Uma parceria que dá samba e educação nas escolas da rede municipal de Niterói

A expectativa é grande, embora o movimento maior esteja previsto para quinta e sexta-feira. É o que declarou a vendedora da loja de roupas Hering, Jovanna Oliveira. Ela conta que, a princípio, as ofertas duram até o fim do dia de sexta-feira (26), dia oficial da Black Friday, mas se durar o estoque, a promoção pode ser estendida até a semana que vem. Os horários de maior movimento da loja são entre 10h às 11h e das 13h às 14h.

Descontos variam de acordo com as peças. Foto: Livia Figueiredo

Os descontos variam de produto. Alguns chegam aos 50%  de desconto, outros têm 30, 20%. De acordo com Jovanna, as peças que estão mais saindo são bermudas, vestidos e blusas.

Plaza Shopping Niterói terá ofertas de até 70% e horário estendido na Black Friday

De olho no maior movimento previsto para este ano, em relação ao anterior, o Plaza Shopping estendeu o seu horário de funcionamento para a Black Friday, que começa na próxima sexta-feira (26) e termina no domingo (28). As compras poderão ser feitas também pelo WhatsApp.

Na sexta-feira, as portas abrem às 8h e fecham às 23h; no sábado, o atendimento será das 10h às 23h e, no domingo, das 13h às 21h. As ofertas abrangem todos os setores – desde vestuário e eletrodomésticos até cinema e restaurantes. A data é considerada a segunda mais importante do varejo, atrás apenas do Natal. 

Assim como no ano passadoos consumidores poderão escolher entre comprar on-line, por meio do serviço do Assistente de Compras, ou presencialmente. No caso da primeira opção, o cliente pode navegar pelo catálogo virtual, selecionar os itens e entrar em contato via WhatsApp, para tirar dúvidas, receber fotos e informações e finalizar o pedido.  Caso o pagamento seja realizado até as 17h, a entrega do produto é feita no mesmo dia.

Os cuidados de higiene e prevenção contra a Covid-19, como tapetes sanitizantes nas entradas, pontos com álcool em gel, reforço nos procedimentos de limpeza e descontaminação das áreas comuns, serão mantidos para os clientes que optarem pela compra presencial. O uso de máscara é obrigatório.

Viradão das Lojas Americanas

A Lojas Americanas também irá antecipar a sua Black Friday em algumas horas e abrirá as portas durante a madrugada, a partir de meianoite do dia 26 de novembro. Os consumidores que participarem do Viradão das Americanas, com compras a partir de R$ 50, ganharão isenção no estacionamento. Para receber o benefício, que valerá até as 7h59 de sexta-feira, a nota de compra precisa ser cadastrada no aplicativo do shopping. 

Expectativa é de crescimento de 18%, no Multicenter

No Shopping Itaipu Multicenter, as expectativas também são as melhores. Segundo o Coordenador de Marketing, Thierry Fernandes, a expectativa de crescimento é de 18% em relação a 2020. O período de Black Friday no shopping será nos dias 26, 27 e 28/11.

Loja de Icaraí aposta em descontos progressivos. Foto: Livia Figueiredo

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email