Niterói por niterói

Publicado

‘Sommeliers’ de vacina vão perder a vez na fila da imunização em Niterói

Pessoas que recusarem vacinação no dia determinado para a idade ficarão sujeitas a eventuais repescagens
número-de-mortes-em-niterói-na-última-semana-foi-dos-menores-na-pandemia
Vacinação em Niterói: sommeliers perderão a vez. Foto: Divulgação

A Prefeitura de Niterói fechou o cerco contra os chamados “sommeliers” de vacina, pessoas que querem escolher imunizante, como se um fosse melhor do que o outro. Foi publicado no Diário Oficial um decreto que coloca os “exigentes” no fim da fila de imunização contra a Covid-19 e ainda reitera as sanções aos revacinados.

Na justificativa, a Prefeitura de Niterói cita algus pontos importantes, como a notória escassez de vacinas em território nacional, a ausência de estudos sobre revacinação e também o quanto a recusa por determinadas marcas de vacina atrasa da campanha de imuização. O município considera, ainda, a necessidade de impor regras que coibam comportamentos que prejudiquem a imunização da população como um todo.

Por esses e outros motivos, se alguém não comparecer a um posto de vacinação na data prevista para a idade, o município vai considerar que houve renúncia tácita. Isso significa que a pessoa vai perder o direito à vacinação por idade e ficará sujeita a eventuais repescagens em datas determinadas pela Secretaria Municipal de Saúde.

O Diário Oficial traz, ainda, um Termo de Responsabilidade, que será assinado pelo cidadão que recusar a vacina disponível no posto. Caso ele se negue a assinar, o servidor responsável pela vacinação registrará a recusa. O documento cita, ainda, que a revacinação pode levar a responsabilização civil, administrativa e criminal.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email