Niterói por niterói

Publicado

Segurança Presente recebe 20 motos, mas estrutura segue menor que na gestão municipal

Policiamento agora conta com 50 veículos, 15 a menos do que quando o programa se chamava Niterói Presente e era mantido pela Prefeitura
Motocicletas entregues ao Segurança Presente Niterói. Foto- Governo do Rio de Janeiro
Motocicletas entregues ao Segurança Presente Niterói. Foto: Governo do Rio de Janeiro

Quarenta dias depois de assumir a gestão do Niterói Presente e rebatizá-lo como Segurança Presente, o Governo do Estado entregou, na manhã desta quarta-feira, 20 motocicletas para patrulhamento na cidade. Agora policiais de folga que atuam no projeto terão à disposição 50 motos diariamente.

Todo o esforço do governo é para recompor a estrutura da qual abriu mão ao romper o convênio que tinha com a Prefeitura para a manutenção do então Niterói Presente. O programa contava com 65 motocicletas para o patrulhamento. Também dispunha de 30 carros, dos quais 13 deixaram de ser utilizados.

O Niterói Presente custava aos cofres de Niterói R$ 30 milhões por ano, para pagamento de pessoal e manutenção de um sistema de vigilância integrado. Ao não renovar o convênio, o Governo do Estado preferiu arcar com as despesas e abriu mão da estrutura de inteligência. Sob gestão municipal, o programa contava, ainda, com 294 policiais. Segundo o governo do estado o efetivo passou a ser de 278, com a operação ampliada para Pendotiba.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email