Niterói por niterói

Publicado

Rio pode começar a 3ª dose da vacina semana que vem; Niterói espera aval

Comitê científico da capital recomenda que a dose de reforço seja feita com AstraZeneca ou Pfizer, independentemente das primeiras doses
Terceira dose deve começar pelos idosos. Foto- Prefeitura de Niterói
Terceira dose deve começar pelos idosos. Foto: Prefeitura de Niterói

O comitê científico que assessora a Prefeitura do Rio nas ações de combate à pandemia recomendou que a capital comece a aplicar a terceira dose em idosos partir de setembro. A orientação é para que a imunização comece “o quanto antes”, e existe uma expectativa de que seja na semana que vem. Enquanto isso, Niterói aguarda apenas o aval do Ministério da Saúde para dar início às doses de reforço.

A ata da reunião dos especialistas da capital foi publicada na edição desta terça-feira do Diário Oficial. Ela traz entre as recomentações que a terceira dose seja feita com vacinas AstraZeneca e Pfizer, independentemente do imunizante aplicado nas primeiras doses. Outro consenso é de que a dose de reforço, chamada de DR,

comece pelos idosos: primeiro os residentes em instituições de longa permanência, depois os demais.

A Prefeitura de Niterói, por sua vez, aguarda o aval do Ministério da Saúde para iniciar a terceira dose. Na semana passada, o Secretário Municipal de Saúde, Rodrigo Oliveira, afirmou que a cidade está preparada para essa nova etapa da imunização contra a Covid. Em redes sociais, ele tem sido enfático sobre a necessidade do reforço.

“É urgente que o Ministério da Saúde regulamente a dose de reforço para ontem”, escreveu Oliveira, que também é presidente do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Estado do Rio de Janeiro (Cosems-RJ).

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email