Niterói por niterói

Publicado

Primeiro pôr do sol do verão atraiu visitantes ao Parque da Cidade; veja fotos

Por Amanda Ares
| aseguirniteroi@gmail.com
Teve gente de outras cidades conferindo e registrando o primeiro pôr do sol da estação
O Casal trouxe a família para curtir a tarde de verão no ParNit. Foto: Amanda Ares
Família se encanta com a vista. Muita gente foi conferir o primeiro pôr do sol do verão no Parque da Cidade. Fotos de Amanda Ares

O primeiro dia do verão (21)  foi de temperaturas altas, tempo firme e um céu limpo. A combinação estava perfeita para dezenas de pessoas que decidiram terminar a terça-feira  desfrutando de uma das vistas mais bonitas – e concorridas – de Niterói: O Parque da Cidade.

Em clima de fim de ano, o A Seguir: Niterói também foi conferir a paisagem e saber das pessoas o que elas esperam para o ano que se aproxima.

Primeiro pôr do sol do verão em Niterói teve céu limpo e calor de 32 graus. Foto: Amanda Ares

 

As cariocas Rose e Denise vieram aproveitar o primeiro pôr do sol da estação na cidade vizinha. “Minha vista preferida”, disse Denise. Foto: Amanda Ares

Teve até quem veio do Rio para apreciar a vista do lado de cá. A carioca Denise Nascimento disse vir sempre, pois adora as trilhas de Niterói e o pôr do sol no Parque, que diz ser seu preferido:

– Eu acho que aqui eu vejo tudo o que eu tenho direito, inclusive o meu Rio. Vejo essas montanhas, acho essa sequência de montanhas a coisa mais linda do mundo. Aqui é fácil de vir. Olha só que lindo.

Fã de Niterói, ela levou a amiga Rose Dantas para vencer a preguiça e conhecer o parque. Fazendo uma avaliação de fim de ano, elas comentaram que se decepcionaram muito com as pessoas durante a pandemia, mas esperam o melhor para o ano que está por vir:

Rose espera que 2022 traga prosperidade no trabalho e união entre as pessoas. Foto: Amanda Ares

– Este ano está bem difícil. [Para 2022] espero muita saúde, principalmente, prosperidade no mercado de trabalho, e mais união entre as pessoas, por que as pessoas falaram que com a pandemia, as pessoas iam mudar, iam pensar mais no outro, mas o que se viu não foi isso não.

 

 

A família Modesto Marinho disse ser apreciadora da natureza, e veio de São Gonçalo só para passar o fim de tarde no ParNit. O casal Daiane e Wilson acham que o próximo ano ainda exigirá muita disciplina e paciência das pessoas, mas usam lugares como o ParNit como válvula de escape, especialmente para ter momentos de tranquilidade em família:

“A gente respeitou muito esse período, e geralmente a gente sai pra lugar assim, ao ar livre. Por enquanto, é como se fosse aquele dia que você vai á praia e o mar está revolto, com bandeira vermelha. A gente está ainda em um mar revolto. Mas daqui a pouco vem a calmaria. Sendo realista, a gente ainda vai ter muita coisa difícil, mas uma hora isso termina”, disse o químico Wilson Marinho.

O Casal trouxe a família para curtir a tarde de verão no ParNit. Foto: Amanda Ares

Eles levaram o filho Iuri e duas amigas, todos vacinados com duas doses da vacina contra a Covid, para fazer o que eles mais gosta, que é sair para estar em contato com a natureza:

– A gente adora estar na natureza. É uma forma de você relaxar.

Beatriz é carioca e foi ao Parque pela primeira vez. Ela espera voltar a encontrar as pessoas em 2022. Foto: Amanda Ares

A estudante de direito Camila Baptista mora em Icaraí e admitiu que vai pouco ao Parque, mas aproveitou para levar Beatriz, carioca, que estava visitando o espaço pela primeira vez:

– Ela falava muito do Parque da Cidade, nunca tinha vindo. Achei lindo.

 

Cansadas do sistema remoto em que a vida se transformou, elas aproveitam o momento em que já é possível estar entre outras pessoas, depois de se vacinarem:

– Espero conseguir voltar a encontrar os amigos, e sentir que as coisas estão acontecendo, não mais que a gente está preso numa sala; desabafou Camila.

– Espero que em 2022 as pessoas voltem a ocupar a cidade, e voltem a conviver. Tem uma galera que se acostumou bem, mas eu não me acostumo, e fico meio agoniada de não conhecer meus colegas de faculdade, de trabalho, apenas por vídeo – disse a estudante de Letras Beatriz Lima.

Muita gente que cresceu em Niterói e acabou indo morar em outro estado voltou para passar o Natal com a família. Foi o caso de Matheus Latgé e da prima Martina Guenther. Eles chegaram esta tarde a Niterói e a primeira coisa que quiseram fazer foi ver o pôr do sol mais popular da cidade.

Martina e Matheus voltaram para Niterói para passar as festas, e foram aproveitar o ParNit. Foto: Amanda Ares
Martine teve a sorte de chegar a cidade no primeiro dia do verão. Foto: Amanda Ares

– Eu espero que em 2022 a gente possa voltar a se apropriar da cidade. Niterói sempre tem eventos, a gente gosta de estar na rua, e é uma cidade muito boa para estar assim, ao ar livre, em eventos, então espera que a gente retome isso – espera Martina.

 

– Eu estou muito otimista, mas com cautela por causa das variantes. Acho que a gente vai dar um jeito de lidar com isso, como já vem lidando, né – afirmou o publicitário e músico Matheus Latgé.

Funcionamento do ParNit em dezembro:

Muita gente aproveitou para fotografar a vista das praias de São Francisco, Jurujuba, Charitas e Icaraí, em Niterói, e do Rio de Janeiro. Foto: Amanda Ares.

Na última semana do ano, o Parque da Cidade vai funcionar de 7h às 18h. No dia 24, sexta-feira, o ParNit vai fechar às 15h, mas no dia 25 funciona de meio dia até o horário do pôr do sol. Domingo funciona normalmente. No dia 31, novamente fecha às 15h, e reabre ao meio dia no dia 1o de janeiro, fechando às 18h.

 

Vista de Piratininga, Itaipu, lagoa de Itaipú e Camboinhas. Foto: Amanda Ares.

Previsão do tempo para a primeira semana do verão

A nova estação começou às 12:59, com tempo quente e céu aberto na maior parte do dia em Niterói. Na quarta-feira (22), o dia amanhece com sol, e nuvens vão se acumulando ao longo do dia, e há previsão de pancada de chuva para o fim da tarde. Os termômetros ficam entre 24 e 34 graus.

Porém, na primeira semana da estação mais aguardada do ano, a maioria dos dias será de temperaturas abaixo dos 30 graus, com previsão de chuvas quase diárias. A véspera de Natal, 24 de dezembro, deve ter chuva a qualquer hora do dia. Já o dia 25 deverá ter névoa ao amanhecer, com sol entre algumas nuvens ao longo do dia, e termômetros entre 21 e 26 graus, sem previsão de chuva.

 

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email