Niterói por niterói

Publicado

Pais ainda resistem, e apenas metade das crianças de Niterói já foi vacinada contra Covid

Por Redação
| aseguirniteroi@gmail.com
Índice de vacinados de 5 a 11 anos chegou a 51,6%; dose de reforço em adolescentes deve começar no dia 21 de fevereiro
vacinação criança dia 2.2
A vacina pediátrica está disponível em quatro policlínicas de Niterói. Foto: Divulgação Prefeitura de Niterói.

Desde o dia 17 de janeiro, 51,6% das crianças de 5 a 11 anos de Niterói já receberam a primeira dose da vacina contra a covid-19. A informação é da Secretaria Municipal de Saúde e corresponde ao público vacinado até a última terça-feira (08). No total, 19.642 crianças receberam a primeira dose até então.

A Secretaria chegou a adiantar o calendário de vacinação infantil algumas vezes, em vista da proximidade da volta às aulas. No começo do ano letivo, apenas 46% do público infantil havia recebido uma dose da vacina.

A campanha continua, e para receber o imunizante as crianças precisam estar acompanhadas dos responsáveis, que devem levar um documento (Identidade ou certidão de nascimento), comprovante de residência e a carteira de vacinação infantil. É preciso ter intervalo de 15 dias de qualquer vacina. Não é necessário atestado médico nesta fase da campanha.

A vacinação deste grupo é feita de segunda a sexta-feira, das 08h às 17h, com entrada até às 16h nas seguintes policlínicas:

– Policlínica Sérgio Arouca (Vital Brazil),

– Policlínica Regional de Itaipu,

– Policlínica Regional Dr. Renato Silva (Engenhoca)

– Policlínica Carlos Antônio da Silva (São Lourenço)

Terceira dose em adolescentes

Assim como o público adulto, os adolescentes também irão receber a terceira dose da vacina contra a covid. A previsão de que o público entre 12 e 17 anos comece a receber a dose de reforço no dia 21 de fevereiro.

Como em toda a campanha, o plano é começar com o público com doenças pré-existentes, portanto será necessário levar um atestado médico comprovando a condição de saúde do adolescente. Segundo a Secretaria, poderão se dirigir aos postos os jovens que tiverem tomado a segunda dose há cinco meses.

COMPARTILHE