Niterói por niterói

Publicado

Oito presos em operação contra roubo e venda de cabos de cobre

Operação Caminho do Cobre desmontou esquema de roubo e revenda de material metálico; quadrilha já deixou a ponte Rio-Niterói sem luz
Polícia civil identificou que materiais metálicos furtados de concessionárias de serviços públicos estavam sendo revendidos ilegalmente. Foto- Divulgação PCERJ
Polícia civil identificou que materiais metálicos furtados de concessionárias de serviços públicos estavam sendo revendidos ilegalmente. Foto: Divulgação PCERJ

Uma operação da Polícia Civil do Rio de Janeiro desmontou nesta terça-feira (07) uma cadeia criminosa de compra e venda de cabos de cobre, e outros metais, roubados de vias públicas da região metropolitana do Rio. A operação ” Caminho do Cobre” teve como objetivo desarticular e reprimir o comércio ilegal desses materiais, que estava sendo feito por empresas de reciclagem na Capital e na Baixada Fluminense. A operação contou com a Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) e de outras delegacias do Departamento-Geral de Polícia Especializada (DGPE) realizaram, nesta quarta-feira (07/07).

Segundo as investigações da Polícia Civil, as empresas recicladoras compravam os materiais metálicos e equipamentos furtados de concessionárias de serviços públicos, como cobre, baterias estacionárias, cabos de telefonia, de internet e fibra ótica, materiais de ferrovias, transformadores e placas metálicas. Em seguida, transformavam em matéria-prima e revendiam como produtos lícitos.

Cinco mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça foram cumpridos pela operação, e cinco empresas de reciclagem foram interditadas. Ainda, oito pessoas foram presas em flagrante, e outras vinte conduzidas à DRF para prestar esclarecimentos. Duzentos mil reais em dinheiro e toneladas de materiais roubados foram apreendidos, entre eles até trilhos de trem e outros materiais da SuperVia, foram apreendidos.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email