Niterói por niterói

Publicado

Niterói participa da COP 26, em Glasgow, evento que o Presidente Bolsonaro evitou

Por Redação
| aseguirniteroi@gmail.com
Agenda de sustentabilidade leva Prefeito à maior conferência do clima do mundo
Divulgação COP26
Conferência do Clima em Glasgow, Escócia. Foto: Divulgação

Niterói vai participar da COP 26, em Glasgow, na Escócia, entre os dias 06 e 16 de novembro. O Prefeito Axel Grael e o Secretário do Clima, Luciano Paez, marcam a presença da cidade no encontro, que reune representantes de governos locais de diversos lugares participam na maior conferência de clima do mundo. A agenda inclui reuniões bilaterais sobre possíveis projetos de financiamento para a crise climática, divulgação de boas práticas criadas pela cidade, como a iniciativa Niterói de Bicicleta, e um encontro das cidades brasileiras liderado pelo Prefeito Axel Grael.

Entre as diversas ações voltadas à agenda climática, a cidade apresentará inventariou suas emissões durante os anos de 2016 e 2018, e mostrou que, em três anos, Niterói diminuiu em 18% a quantidade de emissões, calculadas em toneladas. Em 2021, a cidade foi a primeira do Brasil a criar o Fórum Municipal de Mudança Climática com ampla participação social, e uma das primeiras aderir à Declaração de Edimburgo, documento de posicionamento dos governos locais de todo o mundo em contribuição à negociação do Novo Marco Global para a Biodiversidade Pós-2020.

– Os governos subnacionais têm uma importância gigante nos novos acordos mundiais. É nas cidades que os eventos extremos estão acontecendo e, por isso, desde 2016 nós temos um grupo para estudar a questão climática na cidade e avançar em planos e ações que mitiguem esses eventos -, afirmou o secretário Municipal do Clima, Luciano Paez.

A Conferência sobre a Mudança do Clima é o evento global anual mais estratégico para o debate multissetorial da agenda climática. Representantes de diversos setores da sociedade do mundo todo se reúnem em Glasgow para debater e revisar o cumprimento das metas e compromissos assumidos pelas partes no Acordo de Paris há cinco anos, e endereçar outros temas prioritários para a presidência britânica no âmbito da mitigação, adaptação, financiamento climático e colaboração.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email