Niterói por niterói

Publicado

Niterói está preparada para as chuvas? Veja como funciona o sistema de alerta

Por Redaçao
| aseguirniteroi@gmail.com
Prefeitura diz que investiu cerca de R$ 500 milhões em contenção de encostas desde 2013; conheça as áreas de risco
WhatsApp Image 2022-02-18 at 13.23.01
Veja como funciona a Defesa Civil de Niterói

Niterói segue em estágio de atenção desde a forte chuva  que atingiu a cidade na quinta-feira (18).  Diante da situação de Petrópolis, e da lembrança do que aconteceu no Bumba, em 2010, é  impossível não perguntar se a cidade está preparada para a temporada de chuvas. A Prefeitura informa que investiu cerca de R$ 500 milhões, desde 2013, em mais de 130 obras de contenção de encostas que foram consideradas prioridade de acordo com o grau de risco do Mapeamento das Áreas de Risco de Niterói.

O controle é feito pelo Centro de Monitoramento da Defesa Civil, que acompanha a previsão do tempo e a capacidade de escoamento da água. O Município conta, atualmente, com pluviômetros  e sirenes espalhadas pelas comunidades, com alcance de mais de 120 mil pessoas. Além disso, existem mais de 100 pontos de socorro e 2.400 voluntários treinados para atuar em caso de emergência.

Conheça os locais de risco

Na quinta-feira, a Defesa Civil chegou a registrar 30 mm de chuva, em Jurujuba, em apenas 30 minutos. Mas não houve ocorrências mais graves que ruas alagadas, rios transbordando e lixo e galhos de árvores em alguns locais da cidade. As equipes da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos e da Companhia Municipal de Limpeza Urbana de Niterói também percorreram as vias para minimizar possíveis pontos de alagamento e atuando no desentupimento de ralos. Ao final da chuva o escoamento se deu de forma rápida. A previsão é de mais chuva na noite desta sexta-feira (18) e no fim de semana.

De acordo com a Prefeitura, desde 2013, foram investidos cerca de R$ 500 milhões em mais de 130 obras de contenção de encostas em diferentes pontos da cidade que foram consideradas prioridade de acordo com o grau de risco do Mapeamento das Áreas de Risco de Niterói.

De acordo com o Mapeamento, as áreas de risco são: Morro do Preventório, Estado, Bumba, Pires, Cavalão, Grota do Surucucu, bairro de Fátima, Ponta D’Areia e Fazendinha, alguns dos locais que receberam melhorias. Este ano, a Empresa Municipal de Moradia, Urbanização e Saneamento irá licitar obras de contenção de encostas para mais 21 pontos da cidade.

Entra as obras destacadas pela Prefeitura  aparecem ainda : Morro do Holofote, no Fonseca; Morro do Palácio, no Ingá; Rua Engenheiro Guilherme Greenhalgh, em Icaraí; Rua Fagundes Varela, entre Ingá e Icaraí; Travessa Beltrão, em Santa Rosa, além da obra na Rua Martins Torres, em Santa Rosa. No Caramujo, quatro intervenções importantes foram feitas: Travessa Jurandir, Rua Selma, Bombeiro Américo e Jerônimo Afonso. No Fonseca, o Morro do Bonfim também  recebeu obra , assim como  Rua Moacir Padilha, no Morro do Estado, e na Rua Jandira Pereira, em Santa Bárbara.

Veja como funciona o sistema de alerta

Niterói tem  um plano de Verão e Defesa Civil com foco na prevenção de desastres. A Defesa Civil conta 128 Núcleos de Defesa Civil e um  sistema desenvolvido em parceria com a Universidade Federal Fluminense, que usa conhecimentos das áreas de Engenharia de Dados, Inteligência Artificial, Otimização e Visualização de Informação para a compilação e integração de dados meteorológicos e outras informações.

O sistema de monitoramento agrega, atualmente, com 46 pluviômetros, sendo 30 de operação da secretaria e 16 do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais e 37 sirenes espalhadas pelas comunidades, com alcance de mais de 120 mil pessoas. As sirenes são o principal alerta para as comunidades.  Além disso, a Secretaria conta com mais de 30 pontos de apoio para a população nos casos de acionamento de sirene e riscos de deslizamentos e desabamentos. Na emergência, a cidade pode contar ainda com 2.400 voluntários treinados para estas situações.

Como acompanhar situações de risco

O Centro de Monitoramento e Operações da Defesa Civil de Niterói envia informes conforme a necessidade e atualizações. É possível se cadastrar para receber os boletins por telefone. Em caso de emergência, é possível ligar para os telefones 199 ou 2620-0199. A Defesa Civil conta com plantão 24h de monitoramento meteorológico, com envio detalhado de informações sobre a previsão do tempo e de avisos através do aplicativo Alerta DCNIT, SMS (40199) e grupos no WhatsApp.

 

 

 

 

COMPARTILHE