Niterói por niterói

Publicado

Governo do Estado do Rio não divulgou número de casos de Covid depois do Carnaval 

Por Redação
| Aseguirniteroi@gmail.com
Secretaria de Estado de Saúde recomendou o fim das medidas sanitárias antes de informar o registro de casos no feriadão
2022-03-13 (4)
O Secretário de Estado de Saúde, Alexandre Chieppe

O Painel da Covid, divulgado no site da Secretaria de Estado de Saúde, não exibiu esta semana os dados atualizados das notificações de novos casos da doença no estado do Rio de Janeiro. No quadro estatístico, que costuma ser atualizado diariamente, não aparecem registros da Semana Epidemiológica 10, iniciada no domingo (6 de março) e concluída neste sábado (12) – a semana que deveria revelar se as aglomerações ocorridas nos feriados do carnaval tiveram impacto nas taxas de contaminação. Uma informação importante para definir os passos seguintes no enfrentamento da pandemia.

A expectativa dos epidemiologistas era avaliar se a queda nas notificações registrada em fevereiro persistiria mesmo com o aumento do movimento nas ruas, bares e praias durante o carnaval.  Os indicadores registravam redução de novos casos desde o pico da pandemia na SE 3, de 16 a 22 de janeiro, quando a Ômicron explodiu e foram anotados 163.355 novos casos. Na última semana documentada, a SE 9, o número havia caído para 17.405 novos casos. Mas os dados da semana seguinte, com tempo suficiente para a manifestação de eventual aumento de contágio não apareceram no painel da Covid.  A Secretaria estadual de Saúde, no entanto, publicou uma Nota Técnica, datada do dia 3, portanto, antes de se possível verificar se houve ou não aumento do contágio pelo coronavírus, sem considerar estes dados. Chamou de “indicadores precoces”, para ajudar na tomada de decisões e planejamento do combate à Covid. Levou em conta a queda no número de internações, além de dados sobre a resposta da testagem. No mesmo dia, o Governo do estado , recomendou às prefeituras a suspensão das medidas de proteção, como o uso de máscaras e o controle de vacinação. Na segunda-feira (7),o Rio decidiu suspender a exigências de máscaras em locais abertos e fechados, e, na sexta-feira (11), Niterói também derrubou a exigência em lugares abertos, mas, mais cautelosa, manteve o uso da máscara em locais fechados.

A Secretaria de Estado de Saúde não informou até a noite deste domingo (13) por que a publicação da série estatística foi interrompida.

Na página da Secretaria na Internet, o Mapa da Covid aparece com bandeira verde, pela primeira vez durante a pandemia. As regiões Metropolitanas I, liderada pela Rio, e II, da qual Niterói faz parte, respondem pela melhoria, com indicadores muito baixos de Covid. Elas concentram cerca de 70% da população do estado e asseguram a bandeira de baixíssimo risco. As regiões Serrada, do Baixo Paraíba, Centro Sul e a Baixada Litorânea, têm bandeira amarela, de baixo risco.  Apenas no Noroeste do estado há indicação de risco moderado, bandeira laranja.

COMPARTILHE