Niterói por niterói

Publicado

Ecoponte prevê 1 milhão de veículos na Ponte no feriadão de 7 de setembro

Dia de maior movimento será sexta-feira (3), quando cerca de 81 mil veículos seguirão para Niterói e cidades da Região dos Lagos
Ponte Rio-Niterói : Foto- Reprodução Redes Sociais
Ponte Rio-Niterói / Foto: Reprodução Redes Sociais

Um milhão de veículos. É a previsão da concessionária Ecoponte de tráfego pela Ponte Rio-Niterói entre esta quinta-feira (2) e a próxima quarta-feira (8). De acordo com a concessionária, o dia de maior movimento será a sexta-feira, quando cerca de 81 mil veículos seguirão para Niterói e cidades da Região dos Lagos. Na volta do feriado em direção ao Rio, 150 mil veículos seguirão pela rodovia na terça e na quarta-feira. Na próxima segunda-feira (6), será ponto facultativo nas repartições de Niterói, o que pode explicar um maior fluxo de veículos durante o feriadão.

O movimento é expressivo. Fica acima do que foi registrado no feriado de Corpus Christi, com a movimentação de 700 mil veículos. Perde apenas para o carnaval, com 1,8 milhão e o fim de ano, com 2 milhões. O movimento da Ponte Rio-Niterói já se aproxima do que se verificava antes da pandemia, na contagem mensal, quando o trânsito girava em torno de 2,3 milhão de veículos por mês, na média.

Os motoristas que forem passar pela rodovia devem ficar atentos às condições da Ponte Rio-Niterói e consultar os canais de comunicação da concessionária Ecoponte antes de seguir viagem. Informações de tráfego estão disponíveis no perfil do Twitter, no site e no Instagram.

Em nota, a Ecoponte ressalta que é importante que antes de seguir viagem o usuário cheque as condições veiculares como revisão geral do motor (água, óleo, combustível, etc). A concessionária reforça que muitas ocorrências podem ser evitadas com uma revisão prévia das condições do veículo. Por causa da pandemia, a orientação é que os usuários respeitem o distanciamento social e lembrem que a utilização de máscara é obrigatória em ambientes externos.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email