Niterói por niterói

Publicado

Contribuinte de Niterói que fizer a DeCad poderá ganhar desconto no IPTU

Por Redação
| aseguirniteroi@gmail.com
A Declaração de Informação Cadastral do Imóvel deverá ser feita online, até o dia 31 de agosto
carnê iptu
Contribuintes que declararem alterações na área construída do imóvel receberão perdão da diferença de tributos devidos. Foto: Arquivo

A Prefeitura de Niterói deu início à campanha para atualização de informações pessoais e imobiliárias dos contribuintes de IPTU. A entrega da Declaração de Informação Cadastral do Imóvel (DeCad) garante ao contribuinte que estiver em dia com todas as parcelas do IPTU de 2022 um desconto de até 5% no imposto do ano que vem.

Leia mais: Prefeitura de Niterói começa a vacinar crianças de 3 e 4 anos contra Covid na quinta-feira (21)

Aqueles contribuintes que declararem alterações na área construída do imóvel terão como benefício o perdão da diferença de tributos devidos, referente aos últimos cinco anos. A DeCad deverá ser feita online por meio do Portal de Serviços da Prefeitura até o dia 31 de agosto.

Estão aptas ao recadastramento dos dados do imóvel as matrículas que se enquadrem nos seguintes parâmetros: lojas, casas, cobertura de prédios, terrenos com construções não regularizadas, estacionamentos e construções especiais, como hospitais, galpões, escolas, supermercados, indústrias, etc. Para obter mais informações ou tirar dúvidas, basta enviar um e-mail para decad@fazenda.niteroi.rj.gov.br

O desconto de bom pagador. Foto: Arquivo

De acordo com o subsecretário de Receita da Secretaria Municipal de Fazenda, Juan Rodrigues, a alteração dos dados cadastrais do imóvel por meio da DeCad terá apenas efeitos tributários, não sendo ferramenta apta a regularizar a situação do imóvel perante outros órgãos, como a Secretaria Municipal de Urbanismo ou o Registro Geral de Imóveis, por exemplo.

– Cabe ressaltar ao cidadão que as informações declaradas são para atualização do cadastro e base de cálculo do IPTU, não tendo qualquer vinculação com o devido processo de legalização da construção, que deve ser feito junto à Secretaria Municipal de Urbanismo – explicou.

COMPARTILHE