Niterói por niterói

Publicado

Com motoboys em paralisação, entrega de restaurantes demora até 90 minutos em Niterói

Movimento Breque dos Apps reivindica melhor remuneração aos entregadores por aplicativos e mais diálogo com as empresas
Na Rua Gavião Peixoto, poucas motos para entrega. Foto de leitor
Na Rua Gavião Peixoto, poucas motos para entrega. Foto de leitor

Sábado, pouco antes do horário de almoço, quem pecorria pontos de concentração de motoboys em Icaraí, como as ruas Gavião Peixoto e Miguel de Frias, notou a diferença: faltavam entregadores. A adesão à paralisação da categoria, iniciada na sexta-feira, é alta neste fim de semana. O resultado é que o tempo de espera por entregas de restaurantes chegava a 90 minutos, dependendo do estabelecimento.

O movimento, que “brecou” mais de 10 estabelecimentos de grandes redes nos bairro de Icaraí, Centro e na Região Oceânica, acarretou um congestionamento nos aplicativos. No começo desta tarde, restaurantes que costumam entregar entre 35 e 45 minutos informavam que o tempo estimado de espera por uma refeição poderia chegar a 70 ou 90 minutos.

Foto: Divulgação

O Breque dos Apps, como o próprio nome diz, é um recado aos gestores de aplicativos. Entre as reivindicações dos trabalhadores, estão o aumento das taxas de entrega, transparência do motivo do bloqueio e a abertura de um canal de comunicação da categoria com representantes das empresas.

Os entregadores anunciaram que o breque deve continuar até apróxima quinta-feira, e os entregadores buscam o apoio da população e de outras categorias para sua luta.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email