Niterói por niterói

Publicado

Blitz sanitária mostra risco do consumo de gelo clandestino

Por Redação
| aseguirniteroi@gmail.com

COMPARTILHE

Ação realizada em São Gonçalo fechou fábrica clandestina e destruiu 14 mil toneladas de gelo impróprio para consumo
IMG_1883
Gelo era distribuído para toda a região, com riscos para a saúde. Foto: divulgação

O consumidor muitas vezes não atenda para a procedência de alguns produtos de consumo no seu dia a dia. Mas os riscos podem ser grandes, como mostrou uma ação da vigilância sanitária em São Gonçalo. Uma carga de  700 sacos de gelo de 20 kg, num total de 14 mil kg,  sem condições para consumo foi apreendida na última quinta-feira (20) pela Polícia Civil, no bairro Portão do Rosa, e inutilizada com auxílio de caminhões compactadores.

O produto irregular era produzido numa fábrica clandestina de gelo no Complexo do Salgueiro e seria distribuído em diferentes pontos da cidade. A carga foi interceptada e levada para a 72ª DP (Mutuá). A polícia solicitou apoio da prefeitura através da Vigilância Sanitária, tendo em vista que a mercadoria não possuía qualquer tipo de identificação, como data de validade e origem. Os responsáveis foram levados para a delegacia para prestar esclarecimentos.

 

COMPARTILHE