Niterói por niterói

Publicado

A fila da Saúde. A longa espera para a marcação de consultas no posto do Vital Brazil

Por Sônia Apolinário
| aseguirniteroi@gmail.com
A fila começa a se formar às 5h; o atendimento do posto, só a partir das 8h. Às vezes, as senhas acabam.
fila posto vital brazil
Fila dando volta no quarteirão é certo que é dia de marcação de consulta no posto. Foto do leitor

No posto de saúde do Vital Brazil, quem precisa marcar uma consulta, mesmo que já esteja em tratamento, precisa madrugar na fila. A administração da unidade estipula um único dia para agendamento da maioria das especialidades atendidas no local. Nesta quinta-feira (4) foi dia de fila, quer dizer, de marcação de consultas. A situação não é diferente em outros postos. Moradores de Niterói relatam que a espera por uma consulta, dependendo da especialidade, pode levar dois meses.

A fila no Posto Sérgio Arouca começou de madrugada, escuro ainda, e antes do posto abrir praticamente dobrava a esquina. Quem vê da rua o movimento enorme, muitas vezes imagina que é para testes de Covid ou para vacinação. Mas  a fila é para o agendamento de consultas. Neste horário, não há como tirar as dúvidas, além da ajuda de quem está por perto: “será que tem horário para cardiologista?” A expectativa dura até a chegada do atendimento. Muitas vezes, não há senhas para todo mundo. Viagem perdida. Quem tem sorte, consegue marcar o médico. “O meu será daqui a um mês.”

A longa espera por uma consulta

O A Seguir Niterói relata a experiência da repórter Sônia Apolinário para marcar consulta com um ginecologista. Depois de algumas passagens pela fila, ela conhece bem a rotina de quem busca atendimento médico na rede pública. O Posto Sérgio Arouca é considerado um dos melhores do SUS. Sônia conta que a espera pode levar mais de quatro horas. E as consultas às vezes são marcadas para até dois meses depois. O atendimento, depois, é outra história…

Meu lugar na fila no mês passado. Por Sônia Apolinário

Acompanhe o relato de Sônia Apolinário:

“Eu venho ao posto com frequência. Moro perto. Eu chego na fila por volta das 5h45., depois disso sei por experiência própria que o atendimento é mais difícil.  Preciso marcar consultas para ginecologista e dentista – duas especialidades cujos horários evaporam rapidamente diante da grande demanda. Quem consegue marcar a consulta garante atendimento para o mês seguinte.

No mês passado, agendei apenas dentista, para dar continuidade ao meu tratamento. Este mês, deveria ter repetido o dentista e incluído a ginecologista porque, amanhã, pego resultado de exames feitos na semana passada – e que foram pedidos pela médica do posto no final do ano passado. Mas, perdi a hora e não fui  para a fila da marcação de consultas. Não arrisco chegar já partir das 8h, quando começa o atendimento do posto. Nesse horário, a fila que começa no portão de entrada, na Maestro José Botelho, segue pela Ary Parreiras e costuma dobrar pela rua Souza Dias. Dependendo da especialidade buscada, as senhas já terão se esgotado.

Uma vez, cheguei às 7h30 e a fila já estava dando a volta na pracinha do Vital Brazil. Nessa ocasião, fiquei mais de quatro horas na fila até ser atendida. Consegui consulta para uma das duas especialidades que eu buscava. Quando chego às 5h45, garanto lugar na Ary Parreira, próximo da esquina com José Botelho e, geralmente, por volta das 9h, deixo o local com a “missão cumprida”.

Muita gente entra na fila da marcação achando que é de vacinação. Outros vão em busca de especialidades que não estão previstas para serem agendadas naquele dia. Um servidor fica de prontidão no portão orientando as pessoas. E também controlando a entrada no posto: dez por vez. Os que entram formam uma fila na frente do guichê onde as marcações de consultas são feitas manualmente, no nosso cartão.

Há quem tente furar a fila pedindo para ir no banheiro. Nessas horas, a “fiscalização popular” entra em cena e não permite. Há quem leve banquinho para enfrentar a fila. Eu levo livro e procuro me concentrar na leitura para que as horas passem rapidamente e minha vez de ser atendida chegue logo. Se der sorte, a consulta acontecerá antes de um mês. Mas não é sempre que acontece. É sorte.”

 

Fila da marcação de consulta no posto do Vital Brasil nesta quinta-feira 4, por volta das 8h30. Foto de leitor

O que diz a Prefeitura de Niterói

A Secretaria de Saúde de Niterói informou que a Policlínica Sérgio Arouca atende “uma área que abrange 150 mil pessoas” – o que representa quase um terço da população da cidade. E oferece atendimento em diversas especialidades, entre elas, ortopedia, cardiologia, endocrinologia, urologia, neurologia, reumatologia, pediatria, endocrinologia pediátrica,  psicologia, pediatria, clínica médica e fisioterapia.

Segundo a Secretaria, para a maioria das especialidades, a marcação de consultas é feita diariamente sem filas, mas  para algumas especialidades, como ortopedia, cardiologia e endocrinologia, os agendamentos acontecem em dias específicos, segundo a nota oficial, “para melhor organização”.

A Prefeitura não comentou a fila formada desde a madrugada e registrada pelos próprios moradores que buscam atendimento médico. Nem a demora para a marcação das consultas. Tampouco informou as datas referentes a cada tipo de agendamento.

O A Seguir Niterói se compromete a publicar todo o calendário de agendamento de consultas da Policlínica do Vital Brazil, tão logo a Secretaria de Saúde disponibilize estes dados. Informar o público, com certeza, ajudará a atender melhor a população.

 

 

 

 

 

COMPARTILHE