Niterói por niterói

Silvia Fonseca

Silvia Fonseca é jornalista e trabalhou por 30 anos no jornal O GLOBO, onde foi Editora Executiva. Tem pós em Gestão de Redação, tem uma consultoria em soluções de mídia e é sócia fundadora do A Seguir: Niterói. Nasceu em Minas, mas mora em Niterói há 32 anos.
Publicado

É ‘o mínimo que precisam saber’, idiotas!

Olavo de Carvalho
O filósofo fake Olavo de Carvalho: morto aos 74 anos nos EUA. Foto redes sociais

Olavo de Carvalho dizia que a Covid-19 era apenas uma “historinha de terror para acovardar a população”.

Aos 74 anos, morreu ontem de Covid, segundo sua filha Heloisa de Carvalho. O médico particular dele, porém, negou a informação.

Foi chamado pelo Presidente Jair Bolsonaro de “um dos maiores pensadores da história do nosso país” e um “gigante na luta pela liberdade e farol para milhões de brasileiros”. Pois o “gigante” estava refugiado na Virgínia, nos EUA, onde morava desde 2005. Não se tem notícia se havia sido vacinado ou não.

Espécie de guru do bolsonarismo, o terraplanista e filósofo fake recebeu elogios não só de Jair mas de todos os seus Zeros nas redes sociais. Que ficaram adormecidos dias atrás quando morreu, esta sim, a gigante Elza Soares.

A família de Olavo de Carvalho nos EUA não confirmou a informação da filha mais velha, com quem era rompido, de que a causa da morte foi Covid. Mas admitiu que ele estava internado com Covid desde o último dia 16. O médico afirmou que ele já estava debilitado e com infecção antes de ser contaminado pela Covid.

Se bolsonaristas tivessem levado  ao pé da letra o título de um dos livros de Olavo de Carvalho, “O mínimo que você precisa saber para não ser um idiota”, saberiam não só que Covid mata. Mas principalmente que vacinas salvam vidas, idiotas.

COMPARTILHE